Qualquer um que já recebeu um belo Bouq como um presente sabe que pode ser um poderoso gesto de gratidão, realização e afeto. Mas um olhar para as flores na mitologia pode esclarecer por que as flores são tão populares em tantas tradições do mundo, de leis havaianas a flores funerárias.

Na verdade, o simbolismo das flores na literatura e lendas revela toda uma linguagem de flores que você nunca soube que estava falando! Abaixo, vamos explorar algumas das flores mitológicas mais comuns e seus significados.

A rosa tem um folclore rico em todo o mundo, mas todos sabemos que o simbolismo rosa mais duradouro tem a ver com amor e beleza. Talvez não surpreendentemente, muitos mitos Rosa vêm da Grécia-Casa da deusa do amor, Afrodite.

Mitológicas formas de vida parece ser sempre surgindo de sangue, lágrimas, ou os elementos, e flores na mitologia não são diferentes: Uma lenda grega diz que a primeira rosas cresceu de Afrodite lágrimas, e outro diz que eles tem a sua cor vermelha do sangue de Afrodite pé quando ela pisou num espinho ignorados pelo Cupido. Outra história diz que a rosa foi criada por Chloris, uma ninfa que se tornou a deusa da flor Flora e acredita-se ter transformado heróis caídos em algumas das outras flores desta lista.

Fora da mitologia grega, as rosas simbolizam a pureza e o amor maternal, e são muitas vezes associadas com a Virgem Maria.

Um membro da família lírio, o jacinto recebe seu próprio nome de um mito-neste caso, o belo Hacinto espartano.

Como disse o deus grego Apolo, que amava Hyacinto, os dois estavam jogando um jogo verdadeiramente bromático de disco quando o disco acidentalmente atingiu Hyacinthus e matou-o. Algumas versões da história dizem que o disco foi rebentado errado pelo Deus vento Zephyr, que também amava Hyacinto (e claramente precisava de resolver alguns problemas de ciúme…). Quando Apolo chorou sobre Hyacinto, uma flor surgiu do chão onde ele tinha morrido, e Apolo deu-lhe o nome dele de ter fé e seu significado.

A anémona, às vezes chamada de “flor do vento” e pertencente à mesma família que o ranunculus uber-hip, também tem um folclore rico decorrente de – quem mais? – grego.

A história conta que Adônis, uma enorme paixoneta de deusas por todo o lado, foi morto por um javali enquanto caçava. De acordo com a tradição grega de culpar flores na mitologia sobre a morte de boazonas, diz-se que a anémona surgiu onde o sangue de Adonis havia derramado. Outras versões da história dizem que a anêmona era uma flor branca já em flor, mas ficou vermelha do sangue de Adonis.

O narciso é outro nome para o Narciso, em si nomeado para a figura grega no centro de sua história de origem. Narciso é dito ter se apaixonado por seu próprio reflexo bonito, como punição dos deuses por seu egoísmo e ignorância da ninfa, Eco, que o amava. Narciso desperdiçou – se em frente ao seu reflexo, e quando morreu, a flor narciso brotou em seu lugar. Na mitologia, o narciso agora representa a vaidade e o amor não correspondido. Assim, não só Narciso emprestou o seu nome ao simbolismo das flores na literatura e no mito, mas também a fantasmas por todo o lado.

Em outro movimento frio para uma senhora inocente, acredita-se que o narciso foi a flor que distraiu Perséfone quando ela foi raptada por Hades e levada para o submundo.

De todas as flores mitológicas e seus significados, nada encarna a obsessão grega de ligar flores à sexualidade masculina melhor do que a orquídea, cujo próprio nome vem de uma palavra grega para, ahem, certas partes do homem. Como tal, a orquídea na Grécia antiga simbolizava fertilidade e virilidade: pais de crianças por nascer eram encorajados a comer grandes flores se desejassem um menino, e menores se desejassem uma menina.

Embora o cravo esteja associado com vários significados diferentes, um dos mais comuns é o da morte. Você pode ter visto coroas de cravos usados durante o dia Mexicano das celebrações dos mortos, por exemplo.

Mas em outro lugar, os cravos simbolizam tudo, desde a sorte ao amor maternal. Em alguns casos, a cor da flor determina o seu significado: alguns usam cravos brancos para celebrar uma mãe que morreu, enquanto o rosa representa amor e afeição.

As flores mitológicas e seus significados podem lançar luz sobre o rico significado dos dons que damos uns aos outros todos os dias – e, claro, entreter-nos com histórias fantásticas de amor e perda. Então, da próxima vez que você estiver apreciando aquele aniversário perfeito ou bouq casamento, seja grato a todos os deuses gregos lindos que tiveram que morrer por isso.

Fonte: https://definicao.net/significado-de-rosa-mistica/